Conectado por
Rondônia, quinta, 22 de fevereiro de 2024.

Geral

Dimas Covas diz que região metropolitana de São Paulo está muito perto de um lockdown

Compartilhe:

Publicado por

em

A região metropolitana de São Paulo está cada vez mais próxima de um lockdown, o chamado bloqueio total.

 

A avaliação é do coordenador do Centro de Contingência para o Coronavírus, Dimas Covas. Para ele, a taxa de infecção segue alta, acima de um caso por pessoa já infectada e a ocupação dos leitos de UTI está perto de 90%.

 

Mas a taxa de isolamento ficou mais uma vez em 47% no estado e 48% na capital paulista, abaixo do patamar mínimo, que é de 55%. Na região metropolitana a taxa de ocupação dos leitos de UTI está em 87%

 

Outra região que preocupa é a Baixada Santista. A segunda mais afetada pela pandemia, depois da grande São Paulo. De acordo com o secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, só nos primeiros dias de maio, o número de casos cresceu quase 70% nas cidades da região.

 

O governo do estado prometeu repassar 30 milhões de reais para abertura de 350 novos leitos nas cidades de Santos, Praia Grande e Itanhanhém. 50 desses leitos vão ser de terapia intensiva.

 

Nesta quarta-feira (13), o número de casos de coronavírus passou dos 51 mil no estado de são Paulo e mais 169 pessoas morreram nas últimas 24 horas. Com isso, o número de vítimas fatais passou de 4 mil, na verdade, são 4.118 pessoas. Cerca de 9 mil pessoas continuam internadas, sendo mais de 3.700 em UTIs.

Fonte: Ag. Brasil