Conectado por
Rondônia, quarta, 28 de fevereiro de 2024.

Geral

Taxa de ocupação de leitos cai para 85,7% em São Paulo

Compartilhe:

Publicado por

em

 A taxa de ocupação dos leitos de UTI na Grande São Paulo caiu para 85,7%. Até essa segunda-feira o índice era de quase 90%.

 

Segundo a Secretaria de Saúde do estado, dois fatores contribuiram para a queda: a abertura de  novos leitos e a alta de pacientes, como explicou o diretor da Divisão de Pneumologia do InCor, Carlos Carvalho.

 

Desde o começo da pandemia,  cerca de 800 novos leitos de UTI foram habilitados.  Nessa segunda, a prefeitura de São Paulo inaugurou 20 novos leitos de terapia intensiva na região da Brasilândia, a que registra o maior número  de mortes na cidade.

 

Para Geraldo Repler, secretário de Saúde de São Bernardo, na Região Metropolitana de São Paulo, novos medicamentos também podem ajudar a desafogar o sistema.

 

Mas a queda ainda é muito pequena e não tira o sinal de alerta. Para o coordenador do Centro de Contingência do coronavirus,  Dimas Covas,  na verdade o Brasil continua caminhando para se tornar um epicentro da pandemia.

 

O estado de São Paulo registrou quase 4 mil mortes pelo coronavirus nessa terça-feira (12) – mais precisamente  3.949. O número de casos confirmados subiu para quase 48 mil –  na verdade 47.711 em todo o estado.

 

Mais de 9,5 mil pessoas  estão internadas, entre casos suspeitos e confirmados. Desse total, 3.720 em unidades de terapia intensiva.

 

O índice de isolamento social continua abaixo do mínimo: 49% na capital e 47% no restante do estado. O mínimo deveria ser 55%.

Fonte: Ag. Brasil